BAHIA – A Justiça Federal na Bahia condenou a União a indenizar o sindicato dos policiais federais no estado (Sindipol-BA) em R$ 50 ml por causa de declarações do ministro da Economia, Paulo Guedes.

Durante um evento em fevereiro, Guedes chamou os servidores públicos federais de parasitas: “O funcionalismo teve aumento de 50% acima da inflação, tem estabilidade de emprego, tem aposentadoria generosa, tem tudo. O hospedeiro está morrendo, o cara virou um parasita, o dinheiro não chega no povo e ele quer aumento automático, não dá mais”.

Na decisão de ontem, a juíza Cláudia da Costa Tourinho Scarpa disse que Paulo Guedes “excedeu barbaramente os limites impostos pela finalidade econômica e social de um pronunciamento de ministro de Estado, pois atacou – despropositadamente – a categoria dos servidores públicas”.
Como Guedes falou na condição de ministro, a União é que arcará com a condenação.
Em nota, o Sindipol da Bahia disse que vai doar a indenização para hospitais de Salvador.
Fonte: Painel Político