A pedido do General Lima, Silvio Santos apresentou a música de sua autoria “Porto, Velho Porto”.

PORTO VELHO – A equipe da Superintendência Estadual de Turismo de Rondônia – SETUR, comandada pelo superintendente Gilvan Pereira Júnior, recebeu na manhã desta terça feira 20, no Memorial Rondon em Santo Antônio, uma comitiva de militares do Exército Brasileiros que foi apresentada pelo General de Brigada Luciano Batista de Lima, comandante da 17ª Brigada de Infantaria de Selva (17ª Bda. Inf.Sl). “Trouxemos aqui para Rondônia, a Diretoria de Patrimônio Histórico e Cultural do Exército; Militares do Instituto Militar de Engenharia e o Ailton Silva que é um grande fotógrafo que pretende fazer um trabalho com todo registro da Ferrovia Madeira Mamoré” apresentou o General Lima.

A comitiva iniciou sua visita a Rondônia pelo Memorial Rondon administrado pela Setur. A história de Rondon foi relatada nos mínimos detalhes, pelo historiador professor Lourismar Barroso especialista na vida do General da Paz e na história do Forte Príncipe da Beira.

Gilvan Junior na sala do “Cinematógrafo” apresentou em vídeo, os atrativos turísticos do estado de Rondônia. A visita que começou por volta das 9h30, terminou aproximadamente as 12 horas, com um lanche oferecido pela equipe da Setur e, a pedido do General Lima, Silvio Santos apresentou a música de sua autoria “Porto, Velho Porto”.

A tarde, a comitiva militar visitou o Memorial Jorge Teixeira e o Ponto inicial da Estrada de Ferro Madeira Mamoré, que está sendo revitalizada com a parceria da Associação dos Ferroviários, que tem na presidente o ferroviário aposentado José Bispo Morais e vice George Telles de Menezes (Carioca). “Amanhã iremos ao nosso principal Monumento Histórico que é o Forte Príncipe da Beira acompanhado por toda essa comitiva e por autoridades do estado, em especial o Secretário Gilvan Júnior” confirmou o General Lima.

O Comandante da 17ª Brigada de Selva informou a nossa reportagem quem participa da missão: “Temos aqui a representante da Diretoria do Patrimônio Histórico do Exército que é Coronel; Comissão Regional de Obras que fica em Manaus, ainda um representante do Instituto Militar de Engenharia que vai estudar soluções técnicas para o nosso problema e também o fotógrafo Ailton Silva; o Arqueólogo Professor Marques Albuquerque já está na Região do Forte Príncipe fazendo uma imagem tridimensional do monumento, quer dizer, temos pessoas de Pernambuco, Rio de Janeiro, Brasília e Amazonas que se reuniram para essa visita técnica que vai durar até a próxima quinta feira” disse o General Lima prosseguindo: “Nosso principal objetivo é estudar soluções para melhorar o nosso Forte Príncipe da Beira, também vamos contribuir para o restabelecimento desses Sete Quilômetros da Ferrovia, entre o início que fica lá na Farquar até a Igreja de Santo Antônio”, finalizou o General Lima, Comandante da 17ª Brigada de Infantaria de Selva.

Fotos de Ana Célia e Lobo Silva