O ambiente foi climatizado com quatro centrais de ar de 60 mil btus, passou por pintura, troca do telhado, substituição da rede elétrica e teve os banheiros revitalizados; a reforma custou R$180 mil reais

PORTO VELHO – Reinaugurado nesta sexta-feira, 24, como parte das comemorações dos 105 anos da instalação do município de Porto Velho, o Mercado Cultural já tem prontos e funcionando seis boxes, incluindo uma livraria com obras sobre temas amazônicos, e uma programação de atividades que, conforme o locutor oficial da festa, deverá ter atividades todos os dias da semana.

Centenas de pessoas ocuparam a Travessa Manelão para prestigiar o momento que incluiu além da reabertura oficial com o descerramento da placa realizado pelo prefeito Hildon Chaves, várias atividades culturais. A reforma realizada no Mercado, um investimento de R$180 mil reais. O ambiente foi climatizado com quatro centrais de ar de 60 mil btus, passou por pintura, troca do telhado, substituição da rede elétrica e teve os banheiros revitalizados. “Nós vamos sentir o dia a dia, mas já temos a previsão de instalação de mais quatro centrais, para dar conforto aos visitantes, promovendo assim a ocupação adequada dos nossos espaços culturais”, disse o prefeito ao analisar as mudanças.

A obra ficou bonita, climatizada, mas pessoas ouvidas pelo expressaorondonia.com, e que estavam na inauguração feita em 2008, é necessário manter uma vigilância constante, instalar uma administração permanente e evitar depredações, como vinha acontecendo, especialmente nos banheiros, onde a sujeira era uma constante.

Uma queixa comum de várias pessoas nos últimos anos era que a falta de cuidados com o Mercado Cultural acabou fazendo com que muita gente se afastasse dali, além da ausência de segurança nos espaços laterais onde há sempre o temor de arrombamento de carros ou assaltos, por parte de usuários de drogas que acampam por ali.

Mas, segundo o museólogo Antonio Ocampo, presidente da Fundação Cultural do município, as providências estão sendo tomadas para evitar que um dos pontos turísticos mais visitados de Porto Velho tenha os mesmos problemas que ocorriam anteriormente. Ocampo lembrou que, entre outras coisas, já há um funcionário designado para administrar o Mercado.

ATIVIDADES

A prefeitura informou que o Mercado Cultural, administrado pela Funcultural, vai funcionar diariamente e já com programação nova, por exemplo, aos sábados, a partir das 11h com feijoada e música ao vivo e aos domingos, a partir das 6h30 com o Café Nordestino, iniciativas discutidas em conjunto com a direção dos bares “O Canto do Boto” e do restaurante “Dourado do Madeira”. A feijoada custará R$ 23 por pessoa e o café nordestino R$ 34,99 o quilo do buffet.

Fotos: Rosinaldo Machado