Em Porto Velho, uma festa na casa de um empresário acabou com uma mulher violentamente espancada pelo namorado, que ela disse ser filho de uma famoso traficante

JI-PARANÁ – Mesmo com a constatação de que Rondônia está no pico da ocorrência de casos de coronavírus, o comportamento geral da população vem demonstrando que muitas pessoas ou perderam o medo da doença, a ignoram ou não estão nem aí para o que pode lhes acontecer. Neste fim de semana, várias  festas em plena pandemia foram registradas em Rondônia.

As que ganharam mais destaque foram uma festa que terminou com o espancamento de uma mulher, em Porto Velho, e a atuação da Polícia Militar para interromper uma coronafest em Ji-Paraná, tendo de enfrentar a reação violenta de alguns participantes.

Confira vídeo abaixo:

Na noite deste sábado, 4, a Polícia Militar atendeu uma denúncia de “coronafest” e foi recebida com violência pelas pessoas que participavam do evento.

O fato aconteceu no Bairro Bela Vista em Ji-Paraná. Segundo informações, a festa era regada a muita bebida alcoólica, além de som alto e aglomeração envolvendo mais de 20 pessoas.

Ao chegar a residência, os policiais foram afrontados com xingamentos e agressões por parte de alguns participantes.Todos que participavam do “coronafest” foram conduzidos à delegacia de polícia.

Com informações de Oobservador.com.br