1850 - Passa a valer Lei Eusébio de Queirós ou lei nº 581, promulgada no Segundo Reinado, proibindo a entrada de africanos escravos no Brasil

PORTO VELHO – BOM DIA 4 DE SETEMBRO! COMEMORA-SE: Dia Mundial da Saúde Sexual. Dia Mundial do Taekwondo. Dia do Serventuário (funcionários do Judiciário). Católicos lembram Santa Rosália, São Moisés, São Marino e São Bonifácio I.

FOTO DO DIA: Em Guajará-Mirim, fronteira brasileira com a Bolívia, onde concluía a Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, os prédios onde funcionaram há até alguns anos passados a Câmara Municipal, em primeiro plano, e o cine teatro Guarany, no centro antigo da cidade conhecida também pelo nome de “Pérola do Mamoré”. Até 1943 quando o presidente Getúlio Vargas criou o Território Federal do Guaporé, Guajará-Mirim, proclamado município em 1928, era pertencente ao Estado de Mato Grosso.

FATOS: 1842 — Casamento de Pedro II do Brasil com a princesa Teresa Cristina Maria de Bourbon. 1850 – Passa a valer Lei Eusébio de Queirós ou lei nº 581, promulgada no Segundo Reinado, proibindo a entrada de africanos escravos no Brasil. 1930 – Mudança do nome da Cidade da Parahyba para João Pessoa para a capital do estado da Paraíba (90 anos) – mudança para homenagear seu ex-governador João Pessoa Cavalcanti de Albuquerque. 1969 — Terroristas do MR-8 sequestram o embaixador americano no Brasil, Charles Burke Elbrick. 1995 – Morreu o ator Paulo Gracindo, cujo sucesso maior foi com o personagem Odorico Paraguaçu, da novela O Bem-Amado. 1998 – O desabamento do telhado da Igreja Universal do Reino de Deus, em Osasco, matou 25 pessoas e feriu cerca de 500. 1998 — O Google é fundado por Larry Page e Sergey Brin, dois estudantes da Universidade Stanford. 2008 – Morre o cantor Waldick Soriano, grande nome da música brega. 2016 – 2016 – O papa Francisco canoniza Madre Teresa de Calcutá.

Lúcio Albuquerque – [email protected]