A companhia está em recuperação judicial

RONDÔNIA – Entre os dias 28 e 31 de agosto, o Centro de Conciliação e Mediação de Conflitos – Cejusc realizou um mutirão de ações da Oi. No total foram realizadas 72 audiências, que resultou em 63 acordos. O índice de aproveitamento foi de 84,72%. O mutirão, pela primeira vez, foi realizado virtualmente por meio de vídeo chamada.

O conciliador Carlos Magno Souza explicou que o mutirão trouxe celeridade processual, pois as partes já haviam ganhado as ações, porém não tinham previsão para receber o crédito. “Em um dos acordos, o valor da dívida era de 8 mil reais. A parte aceitou fazer acordo para receber 7 mil, que serão pagos até o dia 15 de outubro deste ano”, explicou.

O coordenador da Cejusc, juiz Johnny Gustavo Clemes, ressaltou que a importância da atuação do Centro de Conciliação e Mediação de Conflitos. “É a primeira vez que realizamos um mutirão virtual, e o índice de aproveitamento acima de 84% demonstra que as estratégias adotas pelo Poder Judiciário de Rondônia para a solução de conflitos foram excelentes”, destacou o magistrado.

A iniciativa de fazer a conciliação partiu da própria OI, que procurou o Cejusc e firmou um termo de parceria para agilizar o julgamento dos processos. Como a empresa está em recuperação judicial, em situação delicada financeiramente, era de interesse a resolução dos casos envolvendo cobranças irregulares, fraudes em contas, nome incluso indevidamente em serviços de proteção ao crédito e danos morais.

 

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação TJ-RO