A intenção da Coligação Juntos Por Amor a Porto Velho é a transparência e a verdade no processo eleitoral, sem persuadir o eleitor que nesse momento precisa estar consciente de sua escolha.

PORTO VELHO – A Coligação Por Amor a Porto Velho que é encabeçada pelos candidatos Cristiane Lopes e Delegado Dr. Pedro Mancebo, conseguiram por meio da Justiça Eleitoral de Rondônia suspender o IBOPE (pesquisas) em Porto Velho. A representação com Pedido Liminar contra IBOPE INTELIGÊNCIA PESQUISA E CONSULTORIA LTDA, aduzindo, em suma, que as últimas pesquisas apontam a candidata da coligação representante, CRISTIANE LOPES, como estando à frente do candidato Vinicius Miguel, destacando, em especial, que na própria pesquisa do IBOPE, eles estariam tecnicamente empatados, no segundo lugar. A coligação é composta pelos partidos PP e PROS.

A assessoria jurídica da Coligação Por Amor a Porto Velho consegui demonstrar ao excelentíssimo juiz eleitoral Dr. Sérgio Willian que tal pesquisa pode confundir o eleitor e persuadi-lo a pensar que haverá um segundo turno construído e maquiado pelo Ibope entre Hildon Chaves (45) e Vinícius Miguel (23).

O juiz eleitoral que analisou o pedido Dr. Sérgio Willian Domingues Teixeira decidiu nessa quarta-feira (data da publicação) que fato, os dados divulgados na pesquisa de intenção de votos (registro RO-04876/2020), divulgada em data de 28/10/2020, informam 30 pontos percentuais para Hildon Chaves; 16 pontos percentuais para Vinicius Miguel; e 10 pontos percentuais para Cristiane Lopes.

Entretanto, segundo margem de erro divulgado pelo IBOPE, Vinicius Miguel poderia estar entre 12 e 20 pontos percentuais e Cristiane Lopes, por sua vez, entre 06 e 14 pontos percentuais, podendo, como se aponta, haver empate técnico entre esses dois candidatos.

O magistrado observando que a baliza do princípio do Estado democrático de direito, cabe zelar pela igualdade de tratamento a todos que se encontram em igualdade de condições jurídicas, desigualando-os apenas na medida de suas desigualdades, atendeu o pedido da coligação encabeçada por Cristiane Lopes. Na hipótese concreta, Vinicius Miguel, apesar de aparecer em segundo lugar na pesquisa eleitoral para o cargo de Prefeito de Porto Velho, encontra-se, tecnicamente, em igualdade de condições em relação à candidata CRISTIANE LOPES, ou seja, há um empate técnico dela com Vinicius Miguel. Nesse caso, mostra-se obrigatória a igualdade de tratamento aos que se encontram empatados tecnicamente em segundo lugar e, como já houve a finalização da pesquisa, inviável o primeiro pedido, no sentido de inserir, nos questionários de pesquisa RO-04876, as duas hipóteses de simulação (1. HILDON CHAVES x VINICIUS MIGUEL – 2. HILDON CHAVES x CRISTIANE LOPES).

Além do mais foi comprovado a falha técnica praticada pelo IBOPE por meio do advogado da Coligação Juntos Por Amor a Porto deferindo-se o pedido liminar para determinar a proibição da divulgação referente à simulação para o segundo turno entre Hildon Chaves e Vinicius Miguel na pesquisa RO-04876/2020. O presidente do ibope, sediado em São Paulo foi intimado da decisão do juiz eleitoral na manhã dessa quarta-feira, 04 de novembro para o cumprimento da decisão judicial.

 

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação