Como vereador, segundo Jerry Amaral, suas principais bandeiras de luta serão a cultura, o esporte e a qualidade de vida

PORTO VELHO – Integrante de uma das famílias mais notórias e representativas de Porto Velho, Jerry Amaral, aos 47 anos, diz que depois de participar das campanhas dos seus irmãos Olavo e Juscelino Amaral, nasceu a necessidade de atuar de forma mais efetiva. Por isso, em novembro do ano passado decidiu concorrer ao cargo de vereador nas eleições de 2020.

Jarry Amaral afirma que os filhos da terra precisam assumir compromisso com o município

De acordo com Jerry, filiado ao Partido da Reconstrução Trabalhista Brasileira (PRTB), a base de sua representação política será o bairro Olaria, onde a família reside há mais de 70 anos. Os bairros adjacentes também servirão como base para o trabalho que pretende realizar, caso seja eleito. “Geralmente, as pessoas que saem do centro vão para a Zona Leste ou Zona Sul, e temos muito contato e o boca a boca vai nos ajudar”, disse.

Como vereador, segundo Jerry Amaral, suas principais bandeiras de luta serão a cultura, o esporte e a qualidade de vida. “Não serei um vereador de gabinete. É óbvio que o nosso trabalho será o de sair a campo, principalmente para trabalhar com o objetivo de trazer qualidade de vida para a população”, promete.

Porto Velho tem problemas de saneamento básico, expansão urbana desordenada, dentre outras questões que são seculares, mas que precisam ser resolvidos. Afirma o pré-candidato, que pretende mudar essa situação, mas para isso precisa do voto de confiança dos eleitores.

Jerry Amaral conversa com o historiador Francisco Maias, na redação do expressaorondonia.com.br

A saúde imediata também tem sido outro drama vivido há muito tempo pela população da capital. Amaral lembra que uma das funções de um vereador é fiscalizar, cobrar e exigir do prefeito ações diretas no sentido de sanar as questões inerentes à saúde. Para o pré-candidato é, um absurdo que a Câmara com 21 vereadores e nenhum tenha um olhar mais sensível às necessidades dos portovelhenses, que sofrem diariamente.

“Como eu disse, uma das minhas bandeiras é garantir qualidade de vida para as pessoas. A saúde vem em primeiro lugar e, portanto, será uma das nossas prioridades como vereador.

Diretor do segundo maior bloco de corda de Porto Velho,  chamado Porto Maria, Jerry Amaral também vai direcionar sua atenção à cultura, valorização dos artistas locais. Ele garante que vai brigar para que a cultura receba a atenção merecida, pois a cultura é a identidade de um povo e Porto Velho precisa que sua história e patrimônio cultural sejam preservadas e divulgadas.

Amaral ressaltou que é fundamental trabalhar projetos de ordenação da cidade de Porto Velho, inclusive criando projetos voltados ao turismo local. “Depois de passar a nossa convenção vamos lançar e divulgar todos os nossos projetos, incluindo turismo, cultura, esporte, lazer, urbanismo, saúde, qualidade de vida”, garante.

Outro ponto citado pelo pré-candidato, a revitalização das praças da cidade, com o objetivo de trazer às famílias, como acontecia antigamente. “Para isso vamos precisar da parceria da Prefeitura”, explica.

O Jerry Amaral lembra ainda que por causa da pandemia aumentou o desemprego. “Um vereador não pode dar empregos, mas pode criar projetos geradores de empregos e renda. Enxergo a cultura como uma fonte para novos empregos diretos e indiretos. Vamos ajudar também os jovens através de projetos inclusivos e programas familiares de emprego e renda. Mas tudo isso mediante medida legal. Vereadores, deputados estaduais e federais poderiam se juntar para criar cursos profissionalizantes gratuitos através de uma emenda estadual”, finalizou.

www.expressaorondonia.com.br