Programa de eficiência energética vai melhorar a iluminação nas Avenida Jorge Teixeira e Imigrantes; depois será a avenida Rio Madeira

PORTO VELHO – Na tarde da última terça-feira, 8, a Energisa e a Empresa de Desenvolvimento Urbano de Porto Velho (Emdur) deram o pontapé inicial para a obra de revitalização da iluminação pública da região central de Porto Velho. A concessionária vai investir R$ 2,4 milhões para instalar 1.477 lâmpadas LED na capital em cerca de 24 quilômetros de vias. A primeira etapa do projeto, na Av. Jorge Teixeira, entre o trevo do Roque até a rotatória da Av. Imigrantes, já está em andamento. A avenida é uma das principais da capital, interliga bairros, abriga diversos comércios, a rodoviária e está no caminho para o aeroporto.

Porto Velho é o 17º município de Rondônia a receber os investimentos através do Programa de Eficiência Energética da ANEEL, executado pela Energisa. O coordenador do programa da Energisa Rondônia, Talis Henrique de Sousa, explica que a Emdur já está executando as obras estruturantes do projeto. Isso inclui a colocação de 107 postes, 214 braços de luminárias e 6 quilômetros de cabos. “Assim que concluírem, nossa equipe instala as lâmpadas LED. A previsão é concluir até a primeira quinzena de outubro”, afirmou.

A substituição de lâmpadas antigas por novas do modelo LED proporciona maior eficiência energética, pois gera uma luminosidade adequada utilizando menos energia. Nos outros 16 municípios de Rondônia, que já receberam o Programa de Eficiência Energética, houve redução em média de 25% das suas faturas mensais de energia. Na prática, serão poupados quase R$ 1,5 milhão até o fim de 2020.

O coordenador explica que a economia varia de acordo com o tipo, quantidade e potência das lâmpadas antigas e que foram substituídas por LED. “Mirante da Serra, por exemplo, reduziu em 74% a fatura de energia com Iluminação Pública, seguido de Alto Paraíso com 69%. Esses recursos agora podem ser destinados para investir em outros itens importantes para o desenvolvimento da comunidade, como saúde e educação”, frisa.

O programa também realiza treinamentos de eficiência energética para os municípios que receberam o investimento. Isso porque, além da substituição dos equipamentos, a proposta é conscientizar o poder público para o melhor uso da energia elétrica. “É importante que servidores e cidadãos estejam atentos em como a energia está sendo usada nos prédios públicos. Devemos fazer nosso papel, desligando quando não estamos usando, incentivando a prática dos bons hábitos e para que tenhamos maior sustentabilidade econômica e ambiental no uso da energia”, declara.

A Energisa disponibiliza dicas de economia através de seus canais no Youtube.

Com informações da Assessoria