O Cantinho do Céu, bairro localizado no Vale do Paraíso, município localizado há 360 quilômetros de Porto Velho agora tem eletricidade regular e de qualidade. Com investimento superior a R$ 1 milhão, a Energisa Rondônia regularizou todas as ligações clandestinas daquela comunidade, acabou com as gambiarras que ameaçavam a segurança das famílias que residem na região e, para atender toda a cidade, instalou um banco regulador de tensão, três bancos religadores automáticos de energia elétrica, fez o recondutoramento de cinco quilômetros de rede trifásica e construiu e estendeu a rede de energia elétrica.

“Essa não é a primeira vez que uma comunidade que vivia com energia precária é beneficiada pela Energisa, afinal, levar energia de qualidade a todas as cidades de Rondônia é nosso principal objetivo”, destacou Cristiam de Farias Alves, coordenador do Departamento de Construção e Manutenção da região centro. “A concessionária tem investido em inovação e levado energia de qualidade a todos os municípios, independente da distância ou tamanho da cidade”, acrescentou.

De junho de 2019 a este mês de janeiro, 15 equipes do DECM estiveram envolvidas nas atividades de melhoria e expansão da rede comum e trifásica. “Agora, os moradores de Vale do Paraíso terão, em suas residências e comércios, uma energia elétrica mais eficiente, o que resultará em mais qualidade de vida à população e desenvolvimento econômico para o município”, disse o coordenador.

Regularização

Em quatro dias de trabalho, de 30 de dezembro de 2019 a 3 deste mês, as equipes da Energisa também deram fim às ligações clandestinas e gambiarras. “Eram ligações que representavam grande risco a segurança dos moradores, afetando tanto na qualidade da energia, contribuindo para casos de interrupção de fornecimento, quanto para acidentes, com risco de grandes perdas materiais e até mortes. Por isso é importante a regularização desse fornecimento”, informou Paulo Vitor Ferreto Benites Bernardes, supervisor de fiscalização.

Segundo ele, quatro equipes do Departamento de Combate a Perdas (DECP) estiveram na cidade instalando padrões, retirando gambiarras e fazendo 30 novas ligações. Paulo Vitor Bernardes, disse que mesmo uma forte chuva que atingiu a cidade não impediu que as equipes trabalhassem, empenhadas para concluir os serviços.

“Havia muitas gambiarras nas ligações, o que representava sério risco à população. A regularização é mais que qualidade na energia elétrica, é conforto para os lares e agregação de valor social para o cidadão que, agora, tem um comprovante de residência”, frisou o supervisor. Nessa ação, foram investidos mais de R$ 14 mil.