A Prefeitura de Porto Velho por meio da Secretaria Municipal da Assistência Social e da Família (Semasf), iniciou, na segunda-feira (15.07), o ‘Projeto Aquarela’, com as oficinas de aulas de violão nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Porto Velho. O projeto é uma realização do Polo Cica (Centro Integrado da Criança e do Adolescente) itinerante da Semasf.

O ‘Projeto Aquarela’ trabalha com músicos voluntários para ensinar violão ao público infanto-juvenil de famílias usuárias dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) da Semasf. Iniciou com oito instrutores musicais, com turma de dez alunos. Na segunda-feira (15.07), às 9 horas, iniciou as aulas no Cras Betinho, e às 14 horas, no Cras Irmã Dorothy.

“A proposta do ‘Projeto Aquarela’ é ofertar ao público Infanto-Juvenil, principalmente aquele oriundo de famílias em situação de vulnerabilidade social, novas referências e desenvolvimento de habilidades e competências musicais e inter-relacionais”, explicou a secretária adjunta da Semasf, Ana Maria Negreiros, que esteve presente nas primeiros aulas no Cras Betinho e no Cras Irmã Dorothy.