POR VICTOR HUGO RIBEIRO MORAIS* – A saída para sobreviver no mercado é aceitar que ele mudou e tem outras exigências. Amplo, dinâmico, incerto e globalizado, o novo mercado valoriza profissionais que se reinventem e que, sobretudo, sejam inovadores.

O profissional da saúde precisa conhecer novos conceitos para ampliar sua visão tanto para dentro quanto para fora da sua área de atuação. Deve ir além da qualidade e do comprometimento com o serviço prestado, percebendo a interdependência entre as suas atividades e a de outros profissionais e processos.

Não existe receita, mas aqui vão sete atitudes que acredito serem necessárias para o profissional da saúde se reinventar:

1. Seja obstinado pela inovação. Em um mundo cada vez mais volátil, incerto, complexo e ambíguo, a única certeza é que as coisas vão mudar;

2. Observe os dilemas e os problemas do cliente/usuário que você pode resolver. Multiplique ideias mas lembre-se: ideia por si só não tem valor. O valor está na solução criada a partir da ideia, ou seja, o negócio é colocar a ideia em pratica;

3. Invista em novos conhecimentos, habilidades e experiências, diferentes contextos de trabalho e culturas. Permita-se sair do seu “mundo” e experimentar o que você nunca havia imaginado fazer;

4. Desenvolva a capacidade de empreender. Empreender não é ter um CNPJ. Empreender é ter atitude e ter paixão pelo que faz. Busque o seu propósito;

5. Aprenda a trabalhar em rede e em equipe, somar competências. A inovação está do lado de fora do escritório e ninguém faz muita coisa muito bem e durante muito tempo. Cada um é bom em uma coisa e as competências se complementam;

6. Não tenham medo de se lançar a novos desafios em contextos ainda desconhecidos. O futuro é dos profissionais que se adaptam a negócios e ambientes incertos e imprevisíveis;

7. Faça diferente, descubra novos mercados e gere valor naquilo que faz. O modelo tradicional de trabalho não desaparecerá no curto prazo mas certamente se transformará. Há uma tendência de crescimento de novos modelos, associados à criação e oferta de novos produtos e serviços.

Estas atitudes devem orbitar no mindset do profissional da saúde e transcendem ao exercício profissional puro e simples. Executivos e profissionais da saúde precisam liderar uma agenda sobre como a inovação pode fornecer contexto importante para a transformação do seu mercado.

 

 

*Dr. Victor Hugo Ribeiro – Cirurgião-dentista entusiasta das novas perspectivas da saúde em tempos de Big Data, Inteligência Artificial e Machine Learning.