Cercado de belezas naturais, rios com grande diversidade de peixes, um ecossistema único e um patrimônio cultural incrível, Rondônia é um dos estados com grande potencial turístico do país, porém ainda há muito a ser feito para impulsionar o turismo na região. Pensando nisso, o Sebrae em Rondônia atua com atividades de apoio a empresários do setor, como o programa Porto Velho Sport Fishing, levando em conta o potencial da capital neste segmento. Nessa quarta-feira (10) representantes do Sebrae e do Governo do Estado, por meio da Superintendência Estadual de Turismo (Setur) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) através do Programa de Fazenda Sustentável dos Municípios (Profaz) e parceiros, como a ABAV, Abrasel, ABIH, Fecomércio, entre outros, realizaram do I Fórum Internacional de Turismo, realizado no auditório do TCE em Porto Velho.

“O Sebrae, somando com Governo do Estado, Tribunal de Contas e com parcerias como Fecomércio e várias entidades da sociedade civil ligadas ao movimento empresarial tomou esta iniciativa. O evento tem início em Porto Velho, seguindo para Ariquemes e depois Cacoal. Nós promovemos o Projeto Líder, uma iniciativa em que um grupo de pessoas passaram um ano estudando o que fazer para contribuir para o Estado de Rondônia, envolvendo vinte municípios e eles definiram quatro eixos de desenvolvimento regional, um deles foi o Turismo, então, aproveitamos para promover algo em alto nível, ou seja, este Fórum de debates. Uma palestrante da Costa Rica, que apesar de ser um pais pequeno, recebe mais turistas que o Brasil por ano e, outra palestrante do Peru e, ainda um outro norte americano, que quando criança morou aqui em Porto Velho e conhece muito bem a nossa região. Ele desenvolveu uma empresa de pesca que é destaque no mundo. Por fim, o Fórum com certeza ficará na história do estado e do município.”, comentou Daniel Pereira,diretor superintendente do Sebrae em Rondônia.

O TCE é um dos organizadores do I Fórum Internacional de Turismo. “O Profaz é um programa de governança e modernização das fazendas públicas dos 52 municípios de Rondônia, idealizado pelo Tribunal. Ele possui quatro eixos, o fazendário, capacitação de pessoas, tecnologia da informação e pesquisa e o outro de justamente desenvolvimento sustentável ao qual se insere o turismo. O potencial turístico de Rondônia é fantástico, é inigualável em termos planetário, então, temos sim muita chance de receber turistas do mundo todo para desfrutar das nossas maravilhas da Amazônia.”, afirmou Benedito Antônio Alves, conselheiro do TCE/RO.

 

“Esse é o primeiro Fórum Internacional de Turismo do estado que envolve palestrantes de outros países e a importância dele é reunir todos os órgãos e atores que fazem desenvolver o turismo em Rondônia. O turismo hoje é uma indústria que aquece a economia, o mercado local, a geração de empregos. Esse é um estado forte, com belezas naturais incríveis para desenvolvermos. Nós temos um estado com um histórico patrimonial maravilhoso, uma gastronomia rica, turismo de aventura, turismo da pesca esportiva. É um estado que, investindo e trabalhando em parceria pode avançar. O Fórum veio para isso, para desenvolver o turismo na região.”, conclui Gilvan Pereira, superintendente – Setur.

Para o prefeito de Guajará Mirim, Cícero Noronha, o Fórum é uma grande oportunidade para que os municípios cresçam e se desenvolvam com um turismo explorado de forma certa, alavancando a economia local. “O I Fórum Internacional de Turismo é fundamental, tendo em vista que Guajará é um dos 52 municípios com uma das principais vocações voltada ao turismo. Guajará Mirim tem a maior população indígena do estado, com maior fomento de fronteira, com grande número de áreas verdes intactas, então, o que o mundo busca, que é a Amazônia em sua plenitude, e Guajará é perfeito para isso. No verão temos várias praias fluviais, que vão de Guajará até o distrito de Supresa. Sem dúvida nosso município tem tudo para atrair turistas do mundo inteiro e, aqui nesse Fórum, vamos potencializar de forma segura esse setor.”, acrescentou Cícero.

Para saber mais sobre essa e outras ações do Sebrae, acesse www.sebrae.ro/inscricaocapitalempreendedor ou ligue gratuitamente para 0800 570 0800. Você também pode nos acessar pelo número de WhatsApp (69) 98130 5656 ou pelas plataformas Instagram, Facebook, Twitter, LinkedIn e YouTube, no perfil Sebrae RO.