ARIQUEMES – O acidente registrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na madrugada desta quarta-feira, envolvendo um caminhão leiteiro e um ônibus na BR-364 no trecho entre Ariquemes e Jaru acende uma luz amarela para um novo trecho de alto risco na rodovia. No último dia 19, em local não muito distante do acidente da madrugada desta quarta-feira, a batida frontal entre duas carretas resultou na morte do motorista de um das carretas, 50 bois e duas pessoas feridas gravemente.

Com o amontoado de ferragens no local do acidente, uma curva a 15 quilômetros de Ariquemes, nas proximidades da fazenda da fazenda do governador Confúcio Moura, o tráfego na rodovia ficou interrompido por cerca de 20 horas, formando uma enorme fila de caminhões e carros de passeio nos dois sentidos da rodovia.

O trecho da BR-364 entre Ariquemes e Jaru registra vários outros pequenos incidentes em função dos trechos esburacados.

O acidente da madrugada desta quarta-feira aconteceu por volta das 4 horas na altura km 19, próximo ao Viola Lanches. Equipes da PRF, Bombeiros e Samu estiveram no local e constataram que apenas o motorista do ônibus estava ferido gravemente e preso às ferragens. Homens do Corpo de Bombeiros retiram às ferragens que prendiam as pernas do motorista do ônibus e ele foi retirado e atendido pela equipe médica do Samu. O homem tinha fraturas nos membros inferiores, sendo conduzido ao Hospital Regional de Ariquemes.

Passageiros do ônibus relataram que perceberam uma freada brusca, em seguida o choque do caminhão com o ônibus. Um passageiro que estava na parte superior do ônibus visualizou o caminhão leiteiro rodando na pista vindo de encontro com o ônibus.

No momento da batida chovia muito, e por se tratar de uma curva, possivelmente o motorista do caminhão leiteiro perdeu o controle da direção provocado a colisão.