Leo Ladeia

FRASE DO DIA:       

 

“Ela [Cristiane Brasil] está pagando o preço de ser minha filha. Estão batendo nela para me atingir. É uma máquina de moer que não para.”– Roberto Jefferson, no velho papel de vítima.

1-Uma proposta para a TV Justiça

“Fica a proposta: o CNJ convoca a TV e por 30 dias, em horário nobre, ao invés de passar a TV Justiça, onde os ministros se mostram garbosos, vamos passar em tempo real, sem mascarar, os presídios brasileiros. No interior, nos grandes presídios. Mostrar os estupros. Agressões. A fome. As celas superlotadas. O frio. O calor extremo. A miséria humana. A degradação. A transformação em lixo do que ainda existe de homem, de humano no preso. Vamos ver o que de humano ainda existe em nós, qual a nossa capacidade de indignação.” Vale a pena ler o artigo do Dr. Kakay.

3-Por falar em presos…

Na Casa do Albergado de Ariquemes a tensão subiu e o motim explodiu na segunda feira. Para varias as reclamações são as mesmas de sempre. A Casa do Albergado possui espaço para 40 presos, mas abriga 150. Some-se a isto a ausência de programas para ressocialização, o absoluto desleixo com os processos e com a falta do que fazer o caldo para o satanás atuar ferve. O motim vai acabar e a tensão vai continuar subindo até a próxima revolta, Não há solução para o caso

3-Fim da boquinha

Alguns secretários do governador Confúcio que vão disputar eleições começam a apresentar seus pedidos de exoneração e junto apresentarão suas cartas mais cerca de 60 barnabés do segundo escalão. Nada de novo no front e nada que vá alterar substancialmente o dia a dia do governo. O estilo Confúcio não deixa dúvidas que o planejamento do governo continuará como foi gestado. Sai Confúcio e entra o vice Daniel Pereira que atuava no comando do governo. Possíveis mudanças? Claro. Cada gestor tem preferências e mais, o vice carrega a visão de quem atuava nos bastidores. Mas não há qualquer terremoto à vista. Não é o estilo do Daniel Pereira.

4-Zipando o estado

O presidente Michel Temer congelou quase 60,9 mil cargos na administração direta autárquica e fundacional. Tanto os vagos como outros com concurso cancelado. Em 2017, o governo Temer definiu que os concursos realizados em 2018 terão salário inicial de R$ 2,8 mil para vagas de nível médio e de R$ 5 mil para nível superior, para todas as carreiras do Executivo. Um projeto de lei tratará do tema e deve gerar uma economia de até R$ 70 bilhões em 10 anos. Além de limitar o valor de gastos hoje, os reajustes esperados para 2018 serão adiados para 2019, o que vai gerar nova economia de R$ 9,7 bilhões. O estado gordo começa a fazer uma dieta ainda muito leve.

5-Jararaca no samba

Se você acha que a sorte de Lula se definirá no dia 24 de janeiro pelo TRF4, esqueça. Seja qual for a sentença – confirmada ou reformada – o processo continuará andando, aquele sítio será um fantasma na sua vida e voltará em fevereiro a assombrá-lo. É que o presidente da Escola de Samba Unidos de Atibaia, Dr. Sérgio Moro fará uma performance pré-carnavalesca tendo como destaques Emílio Odebrecht e Leo Pinheiro entoando a segunda parte do samba enredo “A cobra vai fumar” e na pista contorcendo-se no asfalto quente, Lula, a jararaca mais honesta desse país.

6-Competência comprovada

O Espaço Alternativo está virando algo bem esquisito. Seguindo a tendência das praças de Porto Velho tipo Jonathas Pedroza, ficará bem menos “Espaço” e bem mais “Alternativo”. Churrasquinho de gato e pipoca, mas muito em breve, tacacá, tapioca, galinha picante, brasa acesa, dindin, CDs, cerveja, capeta, pedra, fuminho e etc. Claro que todo mundo quer e precisa ganhar a vida dirão os politicamente corretos. Mas há uma cartilha em desuso chamada “Código de Postura” que precisa  ser levada em conta. E por outro lado, se cada um tem de ganhar a vida, o argumento cabe como uma luva para a “tchurma do mal” que negocia o baguio na boca.

leoladeia@hotmail.com

Facebook Leo Ladeia II