GUAJARÁ-MIRIM – O Ministério Público do Estado de Rondônia expediu recomendação à Energisa Rondônia para que, no prazo de 30 dias, contados do recebimento do documento, promova, por meio de ajustes na estrutura física de conjuntos elétricos, manutenção ou substituição de equipamentos ou quaisquer outras providências técnicas cabíveis, a melhoria imediata na qualidade do fornecimento de energia elétrica nos municípios de Guajará-Mirim e Nova Mamoré e em seus distritos e zona rural. A decisão é da Promotoria de Justiça de Guajará-Mirim.

Na recomendação, a Promotora de Justiça Rafaela Afonso Barreto destaca o distrito de Nova Dimensão, em Nova Mamoré, que vem sendo um dos mais afetados pelas frequentes quedas e oscilações de energia, como comprova a análise dos Indicadores de Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (DEC) e Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (FEC), nos últimos três meses.

A recomendação é parte do procedimento nº 210190010100224597, instaurado para apurar as constantes quedas de energia elétrica nos municípios de Guajará-Mirim e Nova Mamoré.

O setor de operações da Energisa Rondônia informa que já vem trabalhando para melhorar a qualidade da energia naquela região, que fará uma grande ação em Nova Mamoré neste final de semana. A Energisa assegura, no entanto, que a solução definitiva para o problema da oscilação da energia será resolvido com a construção da subestação de Nova Mamoré.

Com informações da Ascom MPRO