ARIQUEMES – A solidariedade mais uma vez ficou evidenciada na população de Ariquemes, durante a 11ª edição do Leilão Direito de Viver, realizada neste domingo, 15. Além do trabalho de dezenas de voluntários, todos os 762 animais doados foram vendidos e resultaram em R$ 949 mil.

Todo o dinheiro arrecadado será destinado ao Hospital de Amor da Amazônia, que atende pacientes com câncer. A unidade é administrada pela Fundação Pio XII, a mesma que mantém outras unidades de tratamento contra o câncer no país e se destaca pelo Hospital de Câncer de Barretos, no interior paulista.

O coordenador do Comitê da Solidariedade de Ariquemes, José Vilas Boas, ressaltou o espírito solidário da população de Ariquemes. “Somos um povo solidário e essa arrecadação é uma prova disso. Com esses recursos vamos poder ajudar muitas pessoas”, resume.

O valor a ser destinado ao Hospital de Amor da Amazônia deve ser superior aos R$ 949 mil arrecadados no Leilão Direito de Viver, pois a este montante deve-se somar a outras arrecadações realizadas ao longo do ano.

CREDISIS CREDIARI

Além de incentivadora e apoiadora do evento, a cooperativa de crédito CrediSIS CrediAri desenvolveu condições especiais para os compradores do gado do leilão. O presidente do conselho de administração da instituição, Donizetti José, destacou que a participação na sociedade também é uma forma de cooperar. “Estamos cooperando com o bem-estar das pessoas que precisam de tratamento contra esta doença terrível”, resume.