PORTO VELHO – Descontração, bate papo com profissionais da imprensa e sorteio de brindes marcaram o café da manhã realizado pelo Sistema Fiero, na manhã desta segunda-feira, 8, em homenagem ao dia do jornalista (7 de abril). O evento aconteceu no salão de convenções da Casa da Indústria, em Porto Velho, com a participação do presidente da Fiero, Marcelo Thomé, que deu às boas-vindas aos homenageados parabenizando-os como uma das mais importantes profissões, cuja data deve ser lembrada e comemorada.

O presidente da Fiero, Thomé ressaltou os jornalistas como o elo mais importante na aldeia global, onde todos querem saber de tudo. E logo, como determina a velocidade digital da informação nos dias atuais.

“Temos feito esta homenagem nos últimos anos e é uma honra e ao mesmo tempo um prazer reconhecer o trabalho do jornalista através desta celebração”, afirma Marcelo Thomé. “Não é possível coexistir regime democrático sem liberdade de imprensa e de expressão. São esses valores, exercidos com ética, transparência e imparcialidade, que possibilitam à sociedade brasileira tomar conhecimento de tudo que ocorre no Brasil e no Mundo, por mais que se tente escamotear a verdade”, exultou.

Thomé lembra que o país vive tempos estranhos em que a verdade tem sido deixada de lado, como uma estratégia ou distração, e o papel dos jornalistas é determinante para a divulgação do que é verdade ou não. Se conseguimos virar algumas páginas da história do Brasil, uma parcela significativa se deve ao trabalho de apuração de jornalistas sérios, éticos e comprometidos com a informação que constrói e gera conhecimento e consciência. “Este sim, é o jornalismo verdadeiro”, afirma.

O coordenador de Comunicação Social da Fiero, jornalista Carlos Araújo lembra que desde à sua chegada ao Sistema, tem trabalhado para fortalecer o contato e a aproximação com a imprensa local. Araújo, jornalista com quatro décadas de atuação, destaca importância da homenagem, como iniciativas para estimular, valorizar e reconhecer profissionais comprometidos com a prática do jornalismo fundamentado na propriedade técnica, na ética, na verdade, na transparência e na imparcialidade.

Araújo comentou a presença do jornalista veterano Ciro Pinheiro, que atuou em muitas editorias, reportagem, colunista social, assessor de imprensa. “Para nós é uma satisfação tê-lo conosco comemorando o dia do jornalista”.

A presidente do Sindicato dos Jornalistas de Rondônia (Sinjor), Sara Xavier, que louvou a iniciativa da Fiero. “Quando o jornalista apura uma história e depois a escreve, está sendo sincero e verdadeiro, independente da opinião pessoal. Ao participar desta homenagem feita pela Fiero nos sentimos acolhidos, abraçados e fortalecidos”, disse.

O evento contou com a presença do vice-presidente de Desenvolvimento Econômico da Fiero, Adélio Barofaldi. Também marcou presença o superintendente de Comunicação Social do governo de Rondônia, Lenilson Guedes, o radialista, Didas Ribeiro, coordenadora de Comunicação Social da Prefeitura de Porto Velho, Yale Dantas, os jornalistas Ciro Pinheiro, Carlos Henrique Ângelo, Janaína Brito, dentre outros profissionais da imprensa.